Maioria debate política na web, mas condena as propagandas e brigas entre políticos nas redes sociais

As redes sociais se tornaram um palco importante para as discussões políticas, sendo já consideradas por analistas como o 5° poder. No Brasil são constituídos os três poderes do Estado Democrático: Legislativo, Executivo e Judiciário. Além disso, a imprensa é considerada a 4ª “força” que rege a sociedade.

No contexto atual, as redes sociais estariam ocupando o espaço de mais um poder, influenciando nos rumos políticos do país e se tornando um espaço almejado e disputado pelos políticos. Entre os usuários do Quinto, 81% concordam que as redes sociais são o 5º poder. E nosso app faz a sua parte oferecendo uma série de perguntas que nos ajudam a analisar como a sociedade vê a presença dos políticos e da política nas redes sociais.

Mais política, menos político?

Mão segura celular com bandeira do Brasil em exibição na tela

Diversos políticos possuem perfis nas redes sociais, alguns com milhões de seguidores, tendo sua presença virtual como um dos principais meios de comunicação e angariação de apoio. Porém, nem todos são fãs dessa forma de acompanhar o trabalho e as ideias dos políticos. Entre os usuários Quinto, 55% disseram que não seguem políticos nas redes sociais.

O dado, no entanto, não parece indicar uma negativa da temática nas redes. Isso porque 59% dos usuários disseram que debatem política nas redes sociais. O resultado sugere o interesse da população em falar sobre política no ambiente virtual, mas talvez alguma falha na abordagem dos políticos, que ainda não conseguiram convencer os internautas da relevância de ouvir suas vozes.

Políticos no Quinto

Um caminho para chegar aos internautas pode ser o próprio Quinto. Quando perguntados “Você quer que os políticos tenham perfil no Quinto?”, 73% dos usuários responderam que sim. O formato do app permite que a experiência seja proveitosa para políticos e também para os eleitores. Por meio do aplicativo, os usuários poderão consultar facilmente a opinião dos políticos sobre uma série de temas. Há inclusive uma funcionalidade que mostra o nível de afinidade entre os perfis, assim o eleitor pode saber o quão alinhado está com as opiniões do político em questão.

Para os homens e mulheres públicos (as), a presença no app permite consultar a opinião coletiva e observar através do debate entre perfis reais (sem fakes e bots) as opiniões da sociedade sobre questões relevantes. O político pode ainda criar seu manifesto, deixando claro quais são as problemáticas essenciais que guiam sua plataforma política.

Políticos nas redes sociais sim, mas com limites

Pessoas de lados opostos com expressões enfurecidas aparentam discutir, megafones em ilustração estão em suas mãos

O uso das redes sociais como “porta-voz” oficial se tornou ainda mais consolidado na era do presidente Jair Bolsonaro no Brasil, mas também internacionalmente com Donald Trump nos Estados Unidos. Os usuários do Quinto parecem apoiar esse tipo de comunicação “direta” com a população, sendo que 81% concordam que presidentes façam comunicados em redes sociais.

No entanto, os usuários também indicam que preferem uma postura moderada nas redes. Por exemplo, 56% acham que o Twitter agiu certo ao apagar comentários de Bolsonaro criticando o isolamento social. Além disso, 65% não concordam que autoridades políticas bloqueiem internautas nas redes sociais. As brigas entre os políticos na web também parecem não agradar, sendo que 81% dos usuários avaliam que os conflitos entre políticos nas redes sociais afetam o país.

Eleições na era virtual

A presença dos políticos na web parece bem aceita pelos usuários do Quinto, sendo que 71% concordam com campanha política nas redes sociais. No entanto, o conteúdo político patrocinado parece incomodar os internautas. Entre os usuários do Quinto, 55% disseram não concordar com a exibição de publicidade eleitoral em redes sociais. Esse tipo de propaganda é permitida, desde que a informação de que o conteúdo é pago seja sinalizada.

Para contribuir com a transparência dessa publicidade, o Facebook anunciou que nas eleições municipais de 2020 vai divulgar os gastos dos partidos e candidatos com anúncios em sua rede e também no Instagram. Esse conteúdo será disponibilizado na biblioteca de anúncios da plataforma.

Política (e muito mais) nas redes sociais é no Quinto

O Quinto reúne perguntas e debates sobre variados temas relevantes para a construção social. Incluindo a política no seu sentido mais estrito e usual – do processo eleitoral e de cargos eletivos -, mas também em seu sentido amplo, abrangendo todos aqueles temas que nos movem enquanto sociedade. Além disso, abrimos também um espaço para diversão e entretenimento. Ainda não tem o app? Baixe, vote, comente e compartilhe!

Leia mais Decisão de compra: consumidor relata preocupação com postura das marcas

Vote no Quinto

Homem segura celular com imagem de multidão em exibição na tela