Usuários do Quinto bajulam os animais de estimação, levam no pet shop e são dependentes deles

Compartilhar os principais momentos da sua vida acompanhado de um animal de estimação promove um bem estar enorme, como indica um estudo realizado pela Clínica Médico-Psiquiátrica da Ordem, em Portugal. A pesquisa mostra que ter um pet pode amenizar as dores de pacientes com depressão profunda e que não respondem aos tratamentos médicos convencionais.

Não é à toa que 78% dos usuários do Quinto possuem algum animal de estimação. E o número de pessoas que se consideram dependentes do pet também é alto: são 60% os usuários do aplicativo que dizem depender dele. Segundo especialistas, tal atitude pode ser boa por um lado e ruim por outro para o dono, uma vez que o animal se torna o centro de tudo e pode ser visto como uma compensação psicológica. Isso ao longo do tempo, porém, acaba se tornando um obstáculo para relações sociais.

Na hora de cuidar dos pets, o tratamento muitas vezes se assemelha com o de um filho. Segundo uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em cada 100 famílias brasileiras, 44 criam cachorros e 36 possuem crianças de até 12 anos. E para a maioria dos usuários do Quinto, a importância dada ao animal de estimação proporcional: 68% acredita que o pet pode substituir um filho

Alguns dos donos de pet chegam a ter uma ligação tão forte com o bichinho que acabam humanizando o sentimento dele, colocando-se como pais ou mães do animal. O aplicativo Quinto mostra que 85% do seu público humaniza os sentimentos do pet, de acordo com a pergunta realizada. Especialistas afirmam que, por mais que isso aconteça com frequência, é um erro achar que eles possuem os mesmos sentimentos que os humanos. 

A preocupação com o bem estar do bichinho é tão grande que 69% dos usuários teria um plano de saúde para ele, quando questionados a respeito. Os cuidados estão em diversos aspectos, como a higiene, por exemplo. E, nesse sentido, os usuários que afirmam levá-lo ao pet shop para dar banho são 39% dos votantes dessa pergunta no Quinto.

O mercado pet chegou a faturar mais de 32 bilhões de reais em 2017, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet). São brinquedos, comidas, roupas, produtos de higiene e vários outros. O ato de mimar o animal de estimação, aliás, é corriqueiro para 76% dos usuários do aplicativo Quinto que responderam à essa questão.

E você, mima o seu pet também?

Leia mais: Animais de estimação estão na casa de quase 80% dos usuários do Quinto

Vote no Quinto:

animais de estimação