O aplicativo Quinto, com 11 modalidades de perguntas oferecidas, têm uma de “sexo e relacionamento”

As respostas dos usuários do Quinto sobre sexo oferecem um bom panorama de como as pessoas encaram esse assunto que parece ser tabu, mas que na verdade é muito natural para todos. Afinal, quando se fala em sexo, a maioria de quem está fazendo quer fazer de novo, e quem não está fazendo está procurando fazer. São 54% dos usuários que responderam afirmativamente que estão satisfeitos sexualmente na pergunta realizada a respeito.

Na dinâmica da hora H, nossos usuários se revelam bem práticos. Os psicólogos chamam a atenção de usar a comunicação corporal para colocar sinal verde ou vermelho para algumas práticas, sem propriamente ter que falar em voz alta. E é preciso aproveitar os momentos antes e depois do sexo para conversar. São 78% de respostas positivas dos usuários para a questão se conversam abertamente sobre sexo, e 63% dos usuários Quinto dizem para o parceiro (a) o que não gostam de fazer nesse momento íntimo.

Os dados do app Quinto mostram que 53% dos usuários responderam sim na pergunta se a mulher tem mais apetite sexual do que o homem. A frequência de sexo entre um casal não está entre as maiores preocupações, como 62% das respostas dos usuários mostram.

Segundo sexólogos, o sexo depende de diversos fatores, como estilo de vida, saúde e libido. Esses elementos são determinantes na qualidade de relações sexuais na vida de um casal. São 79% dos usuários Quinto que gostam de sexo selvagem, conforme indica a pergunta feita. Se o sexo for feito com amor, é melhor para 94% dos usuários do aplicativo.

Nos eventuais problemas que a atividade sexual pode gerar, os usuários Quinto são responsáveis em se prevenir. São 84% de respostas positivas para a questão da preocupação com doenças sexuais transmissíveis, e 61% dos usuários Quinto não transam sem camisinha. Quando se fala em traição, é quase certo que o ato envolve sexo, e mesmo que ele seja virtual, os usuários não perdoam — 87% das respostas positivas para a questão se sexo virtual é traição não deixam dúvidas.

E mesmo quem tem uma atividade sexual intensa, mas pensa em usá-la como barganha, não encontra eco nisso no Quinto: são 80% de respostas negativas dos usuários a respeito se já fizeram ou fariam greve de sexo.

 

Leia também: Clima gelado e meio ambiente na discussão do turismo

 

No Quinto você vota também:

 

  • Você conversa/conversava de sexo com seus pais?
  • Você pagaria por sexo?
  • Você faria sexo com um robô?
  • Você é a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo?

Leia mais sobre o Quinto