Apesar de muitas pessoas gostarem de fazer rituais para começar o novo ano com o pé direito, 68% dos usuários que votaram no Quinto disseram que não são supersticiosos. Por isso, veja algumas dicas para 2019!


Foram 365 dias com muitos sorrisos no rosto, planos realizados, trabalho e desafios. Nem parece, mas 2018 – este ano tão agitado – chegou ao fim. Pense bem: além dos eventos e datas comemorativas que temos todos os anos, como Carnaval, Páscoa e Natal, 2018 ainda nos trouxe eleições e a Copa do Mundo.

Sempre que um novo ano vai chegando ao fim, temos a sensação de que devemos ter metas para os próximos meses. Prometemos muitas coisas e traçamos metas, mas no meio do caminho encontramos desculpas para desviarmos do nosso objetivo.

Para isso não acontecer, além das lentilhas, as sete ondas e o romã na carteira: o Quinto vai te ajudar, com apenas 5 dicas, a começar 2019 bem. Vamos lá?

Amigo secreto, simpatias e presentes: baixe o Quinto e vote nas perguntas especiais sobre o fim de ano!

1)   #Gratidão

Já é constatado: quanto mais você reclama, mais estressado você fica. O mesmo vale para quem julga outras pessoas. No lugar destes dois hábitos – que não nos levam a lugar nenhum -, que tal agradecer? Pode ser em uma “lista da gratidão”, diretamente para a pessoa por meio de uma mensagem ou até mesmo na sua cabeça. Apenas agradeça e siga em frente, isso vai te deixar mais feliz. 89% das pessoas que responderam uma pergunta do Quinto disseram que acreditam que a meditação pode ajudar a aliviar o estresse!  

2)   Conqui$te a$ coi$as!

Muitos dos planos que gostaríamos de executar não saem do papel porque dependem de dinheiro. Para isso, que tal começar o ano economizando? Especialistas em finanças pessoais afirmam que não importa o quanto você consiga guardar, apenas guarde. Coloque na poupança ou em um investimento a curto/médio prazo. 41% das pessoas que votaram disseram que não costumam guardar dinheiro! Que tal tentar R$ 100 por mês?

3)   Cuide da alimentação…

Apesar de 73% dos usuários que votaram no Quinto afirmarem que não se alimentam de maneira saudável, não precisamos nem falar sobre os benefícios de se alimentar bem, né? Em 2019, tente dar uma pausa nas junk foods e prefira sucos naturais, frutas, alimentos ricos em ferro, vitaminas e cálcio. Além de fazer muito bem à saúde, eles vão te dar mais disposição!

4)   … e exercite-se!

E falando em disposição… Que tal se exercitar pelo menos três vezes por semana? Afinal, 59% das pessoas que votaram no Quinto disseram que não se exercitam regularmente. Se você não curte ou está sem grana para a academia, pense em uma caminhada ou exercícios aeróbicos que você consiga fazer sozinho em casa. A internet está cheia de dicas e informações para você cuidar do seu corpo. Então, bora!

5)   Sem desculpas

Sempre que você não consegue fazer alguma tarefa ou deixa de visita, qual é a primeira desculpa que você dá? Apostamos que é “Puts, não deu tempo!”. Então, em 2019, essa justificativa não será mais válida, ok? Já veja quais serão os seus dias de folga e planeje quem você está em dívida e precisa visitar. Aproveite o tempo para ver a família, amigos e estudar. 73% dos que votaram no Quinto afirmaram que viajar é melhor do que comprar bens!


Os novos hábitos que serão praticados dia a dia farão você viver novas experiências e sensações. Agora é só começar. Imediatamente! Não tem que esperar nada, é tudo para já!

Vai viajar no começo do ano? Veja algumas dicas para não se dar mal

Alimentação, $$ e exercícios

O Quinto perguntou sobre educação financeira nas escolas e 95% das pessoas que votaram disseram que são a favor da disciplina. Será que este assunto pode entrar em pauta no próximo governo?

Agora, atenção: o próximo dado é alarmante. 59% dos usuários que votaram disseram que não praticam exercícios físicos regularmente. Bora colocar isso na listinha do que fazer em 2019, ein?

Você sabe o que são alimentos transgênicos? São alimentos geneticamente modificados, que jamais existiriam na natureza. A engenharia genética altera o código genético e cria sementes mais resistentes. 51% disseram que são a favor. E você?

Leia mais notícias sobre o Quinto